terça-feira, 10 de agosto de 2010

Estou confusa e com medo quanto a mudanças no meu trabalho.

Pergunta: Olá Rita, Estou muito confusa... Surgiu uma oportunidade de mudar de setor dentro da empresa aonde eu trabalho. Tenho muita vontade de mudar para aprender coisas novas, mas tenho medo, principalmente porque não sei se tenho perfil para a vaga e também vou ter contato direto com pessoas que nao são muito fáceis. Também pq a minha chefe atual tem planos para mim nesse setor. No fundo sou uma pessoa que tem medo de mudanças e de coisas novas, é como se eu mesma não acreditasse no meu potencial. Ainda mais que estou passando por uma fase conturbada na minha vida pessoal... Quero um conselho para eu me achar...
(Enviado por Camila, em 10 de agosto de 2010)

Rita: Querida Camila, É claro que você deve ao menos tentar essa vaga, pois essa pode ser uma grande oportunidade não só de crescimento profissional, mas também de descobrir o bem que uma simples mudança pode fazer para a sua vida material e espiritual. 
   O único fator que te deixa em dúvida é o medo. E se existe uma verdade da qual você nunca deve duvidar, é que você jamais deve tomar uma decisão com base no medo. Deixar de fazer algo, ou fazer algo por medo nunca te levará adiante. O medo é apenas uma idéia. O medo não é real e por isso você não deve dar atenção a ele.
   A vida sempre te apresentará muitas situações nas quais você terá que tomar decisões. E o que você deve entender, é que cada vez que você toma uma decisão, a decisão será certa se você não olhar para trás. Você nunca irá se arrepender se você viver sempre o momento presente e não tentar descobrir o que teria acontecido se você tivesse tomado outro caminho. Por isso, quando tomar uma decisão, viva cada momento desse caminho que você escolheu sem se questionar como teria sido, pois o "teria sido" também é apenas uma ideia. Ele não existe nem esta acontecendo num universo paralelo. O único que existe é o presente. É o resultado das decisões que você toma a cada segundo.
   Se você sente muita vontade de mudar, saiba que esta vontade vem da sua alma, vem do seu ser mais profundo, da melhor parte de você. Esta é apenas a sua alma falando. Porém, o medo também está falando e entre uma competição de quem fala mais alto, o medo sempre ganha. Isto porque o medo vem da mente e a mente sabe muito bem como chamar a atenção. A alma, por sua vez, não fala alto, não tenta fazer com que você a escute. Ela é como o Sol, que sempre está aí forte e poderoso, mas apenas se deixa ver no momento em que as nuvens se afastam. E este é, para a sua alma, o momento em que você para de dar atenção à mente.
   Em algum momento, você deve ter parado de pensar. Talvez você tenha entrado em contato com a natureza, abraçado alguém que você ama e então, nesse momento, sua mente parou. Os medos, as ideias, as lembranças do passado, tudo isso foi deixado de lado por um instante. E foi aí que sua alma se revelou e te despertou o desejo de mudar, porque a alma está sempre querendo mudar. 
   A alma gosta de coisas novas, ela está sempre buscando o fresco e o inédito. A alma gosta do inusitado, enquanto a mente gosta do que é cômodo e confortável. Agora, o único que você tem a fazer é ouvir a sua alma e ao menos tentar buscar a mudança. A simples busca já te fará crescer.
   Minha querida Camila, você está o tempo todo tendo chances de se encontrar, você só precisa perceber estas chances e se deixar levar ao encontro delas. Quando você sente muita vontade de algo, e isso não representa nenhum risco para a sua vida ou para a sua saúde, nem de ninguém, e ainda tem chance de dar bons resultados, você deve ir adiante e fazer isso. E esse é o momento em que você irá se encontrar. Talvez isso represente mudanças e que você tenha que aprender a lidar com situações com as quais você nunca havia lidado, mas é isso é parte do que te fará se sentir viva. E sentir-se viva é o encontro com você mesma. 
   Estar sempre na mesma situação pode te dar sensação de segurança, mas chega um ponto em que isto não te faz mais se sentir viva. Assim, no momento em que a alma pede para mudar você deve ouvi-la, porque a alma quer se sentir viva. É para isso que ela escolheu nascer nesse mundo.
   Lembre-se que qualquer fator que se coloque entre você e a tentativa dessa vaga, como a questão do perfil ou das pessoas com as quais você terá contato direto, são simples ideias. E se eu só tivesse direito a te dar um único conselho, este conselho seria não desperdiçar sua vida por causa de ideias e opiniões criadas pelas mentes de outras pessoas. 
   Até mesmo o que eu te digo é uma ideia, por isso você não deve prestar atenção tanto nas minhas palavras, mas sim no que elas te provocam. Não tente compreender cada palavra do que eu escrevo, mas, se você ler algo, um trecho, uma passagem, uma parágrafo, e isso te provocar algo ou te despertar alguma sensação boa, dê atenção a isso e somente a isso, sem tentar interpretar as palavras. No momento em que alguém tenta interpretar palavras, a mente entra em ação e isso impedirá o caminho até o Ser. 
   O mesmo ocorre no caso contrário. Se algo que você lê, como o perfil para a vaga, te desperta uma má sensação, pois te faz pensar que você não é adequada para a vaga, não dê atenção a isso. Descarte-o completamente. O mesmo se você escuta alguém dizer que tais pessoas são difíceis. Se ao ouvir isso você se sente com medo e insegura, simplesmente ignore. 
   Essas são ideias criadas por mentes não melhores ou em qualquer sentido superiores do que a sua. A sua mente pode criar não só novas ideias, mas também a sua própria realidade. Comece dizendo a si mesma que você tem o perfil para a vaga. Que você é capaz de lidar com qualquer pessoa e construir excelentes relações em qualquer setor que você trabalhar.
   Todos os seus problemas estão ligados à imagem que você tem de si mesma. Você não é confusa. Você sabe sim o que você quer. Você apenas não está se permitindo vê-lo por estar dando atenção ao medo e por achar que você é alguém com dificuldade para decidir.
   Não é verdade que no fundo você tem medo de mudanças e coisas novas. A verdade é que no superficial você tem medo de mudanças e coisas novas. Isto porque o medo não está no fundo. O medo está no superficial e ele nem se quer existe, ele é apenas uma ilusão. 
   Se você olha de longe as nuvens, você pode pensar que elas estão feitas de algodão e que você pode pegá-las e até mesmo caminhar sobre elas. Porém, quando você se aproxima, você descobre que tudo não passava de um truque do seus olhos, que na verdade você não pode nem ao menos tocá-las, porque elas nada mais são do que vapor. E apesar de não poderem ser tocadas, elas são capazes de cobrir o Sol a ponto de que ninguém na Terra possa vê-lo, e é aí quando elas exercem o seu poder. E assim é o medo. Ele parece real se visto de longe, mas a verdade é que ele é apenas como vapor que está na mente e é capaz de cobrir o Sol, que é o seu ser mais profundo. E este ser sabe tudo. O medo só te faz pensar que você não sabe.
   No fundo você sabe o que quer. No fundo, você não só acredita no seu potencial, mas tem certeza que merece só o melhor. E o mais importante é que no fundo você adora mudanças e coisas novas e é por isso que surgiu essa dúvida. Se você realmente não gostasse de mudanças, esta dúvida nem sequer teria surgido. Você não teria nem mesmo posto em questão a hipótese de deixar o seu setor.
   Por isso, vá em frente e ao menos tente buscar essa nova chance. A Existência está colocando algo diante de ti e você já fez o mais importante que é enxergá-lo. Muitas pessoas nem ao menos podem enxergar quando a Existência lhes está dando algo. Agora, uma vez que você já foi capaz de ver, deixe as ideias e os medos de lado e realize aquilo que te fará crescer.

*FAVOR CLICAR NOS NOSSOS ANÚNCIOS COMO FORMA DE APOIAR O SITE!

 

*PARA SE TORNAR UMA SEGUIDORA, CLIQUE NO BOTÃO “JOIN THIS SITE” À ESQUERDA E FAÇA LOG-IN COM SUA CONTA DE GOOGLE, TWITTER OU YAHOO!